DLL – O que é

DLL é um arquivo em que se encontram rotinas de programação que podem ser compartilhadas em diversos programas dinamicamente. DLL é a sigla para Dynamic Link Library (Biblioteca de Vínculo Dinâmico).

A extensão de uma DLL é .dll. Existem bibliotecas estáticas (que ocupam mais memória). Essas tem a extensão .lib. No Windows e no Mac, a extensão de uma DLL é .so.

Agora vamos a um pouco de história…

→ Em 1985 (por aí…) o Windows 1.0 estava para ser lançado. Este ambiente

Imagem do Windows 1.0 (recordação)

operacional usava um recurso que permitia que ele consumisse menos memória – as DLLs. Elas, por terem link dinâmico, isto é, só são chamadas na hora em que são requisitadas, não consumiam muita memória. Este recurso é possível graças a um arquivo executável (rundll32.exe) que, com parâmetros, invoca uma DLL. Esse recurso fez o sistema consumir menos hardware.
→ O recurso inspirou sistemas operacionais como Linux, Macintosh e outros a criar as bibliotecas (extensão .so).

As DLLs são arquivos de vínculo dinâmico, ou seja, são invocadas apenas quando requisitadas. São muito úteis para:

  • criar funções que serão usadas várias vezes na sua aplicação
  • criar funções que serão usadas em duas ou mais aplicações
  • criar funções grandes.

Agora que você já sabe… até o próximo post! 🙂

Anúncios

Publicado em 06/09/2010, em dicas, Nível alto, Nível médio e marcado como . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: